#Toc Queridas de 71

Luiza, por que você escolheu fazer uma lista com as músicas queridas do ano de 1971?

 Não foi pelo EP’s lançados pelo Novos Baianos, também não foi pelo Jardim Elétrico dos Mutantes, nem pela Construção do Chico ou Não quero dinheiro do Tim e nem Gilberto Gil do Gil. Não foi por causa do lançamento de Gal, Fa-tal, também não foi pela produção do incrível Transa, do Caetano. Então foi por causa do Led Zeppelin? Black Sabbath? The Doors? Pink Floyd? Janis? Rolling Stones? Óh céus, não!

Foi só uma escolha aleatória de ano que me deixou com o coração na mão por escolher apenas UMA música querida deste ano, que deu um gostinho do que estava por vir nos 70. A música dessa década, que teve concepção lá em Woodstock,  nasceu ultrapassando o inteligível, mexendo com os sentidos, com o proibido, com o desconhecido, e aí, véi… é se jogar!

 Deguste. Com os ouvidos, com o coração, com as entranhas.

Se liga na escolha de cada um:

Dê um rolê – Luiza

Debaixo dos caracóis dos seus cabelos – Fernando

Imagine – Natália

The Battle of evermore – Manuela

Asa Branca – Jair Paulo

(O André é mais vanguardista e prefere músicas mais atuais – na verdade ele está incrivelmente ocupado com os projetos lá no Timor Leste)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s