Carta de uma goiana desgostosa

Caro Facer,

Conta aqui para mim, por que você fala/escreve “DO Goiás”? Saiba que cada vez que cê usa a preposição “Do” ao invés da “De” um monge copista morre em algum monastério português da idade média. Já na família real, a Imperatriz Gramática e suas herdeiras, as Princesas Nova Regra Ortográfica I, II, III, IV, etc. lá do alto de seu trono em Portugal, agonizam de desgosto.
Dito isto, não me leve tão a sério*, mas não custa lembrar que o estado é DE Goiás. Nossos ouvidos agradecem dimais da conta. Boa noite, véi!

*Linguistas pós-moderníssimos podem encontrar alguma brecha para provar que “DO Goiás” está correto através de apropriações, regionalismos ou alguma teoria foucaultiana qualquer: essa é só uma questão de gosto (e conservadorismo) mesmo. “DO Goiás” DÓi no meu peito goiano.

Originalmente publicado no Facebook

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s